Dois livros

02/11/2008 | Categoria: Blog, Outros textos

Descobri recentemente dois livros muito legais, sobre fotografia e montagem, disponíveis no mercado nacional

Por: Rodrigo Carreiro

No último final de semana, o primeiro de uma seqüência de cinco em que tive direito a folga no trabalho, passei uma tarde bastante agradável na Livraria Cultura. Este é um dos programas que eu e minha mulher mais gostamos de fazer depois do almoço, nos finais de semana, quando não tenho que trabalhar.

Nesse horário, sempre fazemos algum programa para crianças. É um dos poucos momentos da semana em que posso dedicar 100% de minha atenção às minhas duas meninas. Mas não dá para ir à praia ou a algum parque, por causa do sol forte (fazemos isso, sim, mas só depois das 16h). Na Cultura, além do espaço grande e da enorme quantidade de livros infantis, às vezes também rola alguma peça infanto-juvenil ou algo do gênero. É bem legal para quem tem crianças pequenas.

Além do mais, sempre sobra um tempinho para dar uma olhada rápida nos livros e DVDs. A Cultura do Paço Alfândega tem um dos melhores acervos do Brasil nos dois quesitos (parêntese aqui: prefiro caçar livros na Imperatriz, que tem estoque quase tão grande e preços melhores, mas quase sempre acabo comprando em lojas virtuais, que entregam em casa e geralmente vendem mais barato).

Pois bem: durante a tarde, descobri dois livros interessantes na seção sobre Cinema. Comprei ambos. Li os dois durante a semana e decidi deixar a dica para vocês. Valem muito a pena para quem quer entender mais sobre construção da narrativa cinematográfica.

O primeiro esmiúça a história, as teorias e as técnicas de montagem usadas atualmente. Chama-se “Técnicas de Edição para Cinema e Vídeo”. É excelente. Escrito em linguagem simples, muito detalhado, repleto de fotos e recheado de exemplos retirados de filmes famosos. Para quem se interessa por edição, um prato cheio. Único ponto negativo: o preço (mais de R$ 100).

O outro é um raro livro sobre fotografia em cinema: “50 Anos: Luz, Câmera, Ação”, do brasileiro Edgar Moura. A edição não é tão caprichada, mas o livro explica detalhadamente, com a maior paciência do mundo e linguagem gostosa e didática, o que faz e como trabalha exatamente o fotógrafo de um filme. Detalhe: também é caro (mais de R$ 60).

Mais à frente, pretendo escrever mais detidamente sobre os dois títulos. Por enquanto, fica a dica.

| Mais

Assine os feeds dos comentários deste texto


7 comentários
Comente! »