Sin City – Os boatos

17/04/2004 | Categoria: Outros textos

Obra-prima do quadrinista Frank Miller tem elenco cheio de estrelas e três diretores de ponta

Por: Rodrigo Carreiro

O diretor Robert Rodriguez (“Era Uma Vez no México”) vai escrever e produzir uma das mais ambiciosas e esperadas produções de enredos baseados em histórias em quadrinhos já feitas até hoje. Rodriguez está confirmado no comando de “Sin City”, uma adaptação da famosa série de gibis em preto-e-branco de Frank Miller.

Segundo informações da revista Variety, o filme vai narrar três histórias paralelas, cada uma baseada em uma minissérie publicada sob o título da revista: a história original que deu origem à saga, “Sin City”, mais “O Assassino Amarelo” e “A Grande Matança”. Todas essas revistas saíram no Brasil em edições de luxo.

O elenco atrás e na frente das câmeras é estarerrecedor. Para começar, Rodriguez deseja ter cada história com um diretor diferente, e os nomes confirmados são de qualidade inegável: o próprio Rodriguez, mais Frank Miller em pessoa (Miller já escreveu roteiros em Hollywood e estréia como diretor) e ninguém menos que Quentin Tarantino. A informação ainda não foi confirmada pelos envolvidos.

A decisão de ter mais um diretor na produção, no entanto, já fez Rodriguez rescindir sua associação com a DGA (Directors Guild of America), pois a instituição não permite que um longa-metragem seja creditado com mais de um nome na direção. Rodriguez enviou uma carta pedindo desfiliação à entidade.

Com relação ao elenco, os nomes que estudam propostas ou já confirmaram interesse em integrar o elenco são os seguintes: Johnny Depp, Steve Buscemi, Christopher Walken, Michael Douglas, Leonardo DiCaprio, Brittany Murphy, Kate Bosworth, Jamie King, Benicio Del Toro e Maria Bello. Confirmados, de contrato assinado e tudo, estão Bruce Willis, Elijah Wood, Mickey Rourke, Carla Gugino e Josh Hartnett.

Rourke é o protagonista do primeiro semento do filme, que já está sendo rodado desde o dia 22 de março, sob o comando de Rodriguez. Ele vai interpretar o grandalhão violento Marv, personagem que é o centro emocional da história que dá nome ao filme e aparece como coadjuvante na segunda, “A Grande Matança”.

“Sin City” é uma produção da Dimension Films e Troublemaker Studios. A série original de gibis não tem personagens principais fixos; cada minissérie possui um protagonista diferente, que se tornam coadjuvantes em outras histórias e vice-versa. O elo que une as histórias é a cidade do título, uma metrópole suja e corrupta, inspirada nos antigos filmes noir.

Os personagens são tiras, prostitutas, chefões da máfia. Os diálogos são secos, cheios de gírias e palavrões. O cinismo é a palavra de ordem. A cidade é como a Los Angeles de “Blade Runner”, sem nenhuma cor.

Os gibis possuem desenhos arrojados, pois Miller não utiliza tons de cinza – ele pinta apenas utilizando preto e branco, sem meios-tons. Em alguns casos, um ou outro personagem possui uma cor (caso do “Assassino Amarelo” de uma das historias que estará no filme).

A Variety informa que o projeto começou por idéia de Rodriguez. Ele teria criado, durante a produção do filme em terceira dimensão “Pequenos Espiões 3″, um sistema para filmar em preto-e-branco que eliminava tons cinzentos.

Então, Rodriguez decidiu chamar o amigo ator Josh Hartnett e a atriz Marley Shleton para filmar dez minutos de filme. O diretor editou tudo, colocou efeitos especiais no estúdio que possui em casa e chamou Frank Miller para ver o resultado.

Miller, que já havia declarado mais de uma vez o descrédito de que Hollywood pudesse comprar a idéia de filmar “Sin City” da maneira adequada, capitulou. Ele fechou contrato e passou a funcionar como diretor de arte da produção.

| Mais

GOSTOU DO FILME? DÊ SUA NOTA

1 estrela2 estrelas3 estrelas4 estrelas5 estrelas (Ninguém votou neste post... ainda.)
Loading ... Loading ...


Deixar comentário